Dormir de conchinha não é apenas algo fofo, bonitinho, “de casal” ou mesmo algo simplesmente prazeroso de se fazer. Dormir de conchinha é entregar a própria intimidade ao outro, na certeza de que até em momentos inconscientes — quando se está dormindo — você pode depositar a sua confiança na pessoa que te envolve em abraços, te protegendo até em sonhos. Dormir de conchinha é necessário.

Mestrando em Filosofia (PUCRS). Produzo vídeos de divulgação filosófica no Youtube. Inscreva-se: http://youtube.com/alyssonaugusto

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store