Sabe, tenho saudade de você. Saudade da gente, na verdade. Saudade de tudo o que fomos e do que poderíamos ser.

Saudade dos afetos e dos abraços, dos carinhos e dos amassos, saudade até das amarguras que vivenciamos sem querer.

Saudade dos dias e das alegrias, das noites bem ou mal dormidas, saudade da perfeita sintonia que cultivávamos sem saber.

E isso te digo com muita bondade: sim, tenho saudade, e ela é ferida no peito que arde sem doer.

Mestrando em Filosofia (PUCRS). Produzo vídeos de divulgação filosófica no Youtube. Inscreva-se: http://youtube.com/alyssonaugusto

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store