Tendo a me apegar demais a coisas que estão para além do presente, coisas passadas e coisas futuras, coisas que são tão parte de minha realidade quanto pensamentos vagos no meio da madrugada. O problema é que isso acaba, de certa forma, comprometendo tudo. Comprometendo minhas crenças, minhas ações e minhas relações. E quando me pego pensando sobre a importância que estou dando a coisas que não fazem sentido serem tão valorizadas neste instante, acabo percebendo que preciso me centrar mais no agora. Acabo percebendo que preciso aceitar este momento evidente, real e visceral, este momento que é frio como o porcelanato que toca os pés, este momento que é o presente.

Mestrando em Filosofia (PUCRS). Produzo vídeos de divulgação filosófica no Youtube. Inscreva-se: http://youtube.com/alyssonaugusto

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store